[FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Mensagem por Lilith Hempstead-Wright em 01.02.15 2:10



FICHA DO PERSONAGEM



- x -
INFORMAÇÕES
- x -

O JOGADOR

Nome do Jogador: -
Idade: -
Já jogou rpg de mesa? Se sim, quanto tempo?: -
Qual gênero de jogo você prefere?: -

O ATOR

Nome do Ator: Odette Yustman
Foto do Ator: Aqui!

O PERSONAGEM

Grupo que pertence: Independente

1. Qual é o nome dele? Lilith Hempstead-Wright
2. Quantos anos ele tem? 21 anos
3. Quando e onde ele nasceu e cresceu? Há 21 anos atrás nascia Lilith Hempstead-Wright, filha de Jodelle Lirah, uma doce e bela bartender de um luxuoso clube em Los Angeles e Mingus Hempstead-Wright, um poderoso magnata do turismo que rotineiramente vivia sendo investigado após acusações de negócios duvidosos, entre eles tráfico de crianças e mulheres.

A jovem nasceu em um dos mais bem equipados hospitais de Nova York e desde seu nascimento tudo em sua vida foi uma grande batalha, começando com a luta pela sua sobrevivência enquanto ainda era apenas um bebê. Quando criança e adolescente viveu uma vida um pouco solitária e distante do pai e aos 16 anos mais uma vez esteve entre a vida e a morte após um acidente que ceifou a vida de Mingus.
4. Qual a sua relação com os seus pais? Conte sobre eles. Lilith não reconheceu a mãe e viveu boa parte de sua vida sentindo a falta de seu pai, que se dedicava mais aos negócios da família, apesar de amar muito a filha.

O romance entre Jodelle e Mingus, pais de Lil, iniciou-se em uma época quando a jovem acabara de completar 18 anos e ele já estava em seus 25. Esta relação foi marcada por uma intensa paixão, promessas, loucuras e um casamento repentino em uma Capela de uma esquina qualquer nas ruas de Las Vegas. Tudo foi muito rápido e sem nenhum planejamento, eles haviam se conhecido em menos de um mês. E foi dessa maneira impulsiva e nada planejada que o inferno começou para a inocente Jodelle. Por volta de um ano depois a doce bartender experimentaria um grande pesadelo.

Indo contra todas as possibilidades e a família Hempstead, o casal não se separou ao acordar e perceber a loucura que fizera após uma noite regada por inúmeras doses de tequila. De alguma forma aqueles dois apaixonados completamente distintos se amavam ou precisavam um do outro e por isso continuaram juntos. Mingus desejava afrontar e se divertir com sua família tradicional e preconceituosa. Além disso iria desviar a atenção para seu casamento relâmpago e polêmico, assim todos esqueceriam de falar sobre as investigações impertinentes que faziam contra ele e sua mãe. Jodelle, a romântica Jodelle, aquela que ainda acreditava em contos de fadas e finais felizes, estava certa de que havia encontrado o grande amor de sua vida e que tudo poderia terminar com o fantasioso ‘e viveram felizes para sempre’. Mas em pouco tempo percebeu que a vida real não dá margem para sonhos infantis.

A morena teve que enfrentar sozinha uma família cruel e maquiavélica. Pessoas que a menosprezavam, ofendiam e humilhavam diariamente. A jovem e sonhadora morena de cabelos escuros, traços marcantes e pele bronzeada teve o desprazer de conhecer o verdadeiro inferno na casa dos Hempstead-Wright. Nos constantes momentos em que precisava de ajuda, o marido não podia lhe dar nenhum apoio, ela estava completamente sozinha.

Jodelle permaneceu um longo tempo perdida e cada vez mais solitária, até que o traiçoeiro destino lhe ofereceu um alívio duvidoso. A moça teve a oportunidade de experimentar drogas cada vez mais pesadas e em um curto período de tempo, tudo nas várias noites alucinantes que passava com novas amigas em vários clubes de L.A e N.Y. Em pouco tempo um imenso escândalo estourou e abalou ainda mais a imagem da renomeada família, provocando a ira dos membros mais antigos. No entanto, enquanto esses se preocupavam com toda honra e prestígio, Delle não conseguia se incomodar, pelo contrário, se sentia com mais coragem para enfrentar e destruir aqueles que tanto a machucavam. Só que pensava que esta coragem vinha de seu vício e com isso o pouco controle que tinha foi completamente perdido, ela foi se afundando cada vez mais, muitas vezes correndo o risco de morte.

A descoberta da gravidez foi tardia. O feto, a pequena Lilith, se formava correndo vários riscos. Seu organismo era covardemente intoxicado, ela não recebia os nutrientes necessários. Com isso, a má alimentação da mãe e o uso excessivo de drogas prejudicaram a formação e o crescimento da bebê. A barriga começou a se formar apenas no fim do quinto mês de gestação e só assim a gravidez da perturbada Jodelle foi descoberta. No entanto, a moça não era mais aquela pessoa doce, sonhadora, de bons sentimentos e um sensível coração. A drogada Jodelle era uma inconsequente, uma mulher ferida, alguém que não se importava com mais nada a não ser uma dura vingança suicida. Ela só queria ferir profundamente aqueles que tanto a feriram e um futuro filho não a impediu que continuasse a cometer seus erros, arriscando não só sua vida, mas também da criança inocente.

De maneira surpreendente aqueles que decidiram lutar pela vida da pequena criança foram os Hempstead, principalmente Mingus. Eles mostraram um empenho enorme para salvá-la e lutando contra o risco da morte iniciaram a árdua batalha. O primeiro passo foi internar Jodelle em uma clínica para dependentes químicos, mesmo contra a vontade dela. A mulher não suportava esta ideia, tentou várias fugas, mas passou a ser mantida presa e sob os efeitos da abstinência por pouco mais de um mês, foi um tratamento de choque necessário. No meio do sétimo mês Lilith nasceu. Uma bebê prematura, com pulmões e coração fracos, sintomas de abstinência e desnutrição, os médicos acreditaram que não sobreviveria.

Jodelle, a mãe, ainda buscava desesperadamente voltar para seu ciclo destrutivo e chegou a aceitar um pavoroso trato que traria para ela a liberdade e a chance de voltar para a vida que levava. A matriarca dos Hempstead-Wright ofereceu algo irrecusável para a drogada. Ela sumiria da vida de todos, abriria a mão da filha e seria dada como morta no parto, ganhando uma nova identidade e ainda tudo o que desejava: drogas, diversão e muito dinheiro. Para isso ela precisava apenas desaparecer e para sempre. Não foi difícil para ela aceitar e se perder no mundo sem deixar nenhum rastro, a família conseguiu se livrar de toda aquela vergonha. Os Hempstead após longos anos passaram a ter a clara certeza de que a mulher havia morrido de verdade, por alguma overdose ou outra razão.

A criança teve seus protetores que lutaram com todas as armas para salvá-la. Devolver a saúde para um bebê prematuro e frágil exigiu de todos o máximo de dedicação e os melhores tratamentos. A guerra travada foi quase perdida, mas quatro meses depois a pequena Lilith já tinha 4,0kg, todo seu organismo estava limpo, os pulmões já funcionavam de maneira saudável e ela tinha chances de levar uma vida quase normal, mesmo com um coração fraco, algo que teria que tratar constantemente. A única coisa que intrigava a todos os médicos era uma pequena parte de seu cérebro que parecia desenvolver uma atividade incomum, tudo após declararem duas vezes morte cerebral na garota e a trazerem de volta à vida após um tratamento secreto. No entanto, isso não interferia em sua recuperação e o bebê pôde sair da terapia intensiva e depois de mais uma semana em observação foi para casa, mas sua vida não seria nada feliz.
5. Como foi sua infância e seus amigos? Nos conte um pouco sobre eles A pequena Lil cresceu sentindo uma profunda confusão e o vazio dilacerar sua alma. Todos que a rodeavam mentiam, contavam a falsa história de que sua mãe havia morrido no parto, mas a pequena morena de cabelos escuros e pele bronzeada sentia que algo não estava certo e quando tentava se convencer de que tudo era verdade, a terrível culpa passava a pesar e fazê-la imaginar que seria a responsável pela morte da mulher. Era impossível para ela ter paz e a ausência de seu pai só piorava sua situação. O amor de Mingus por sua filha era algo inquestionável, mas as demonstrações eram escassas e feitas de uma maneira equivocada. O magnata passava meses em viagens a 'negócios' e para mostrar seu carinho enviava os melhores presentes que poderia comprar. Com isso Lirah apenas se sentia mais esquecida e solitária, remoendo dúvidas, alimentando revoltas e um ódio pelo mundo que ela não conseguia controlar. Com o tempo passou a despejar sua ira e frustação sobre colegas de escola e filhos de amigos da família que tinham idades próximas a sua. Humilhava os coleguinhas, mostrava todos seus presentes caros deixando claro que muitos ali nunca teria coisas como aquelas, ela provocava inveja em todos, assim podia acreditar vagamente que era superior em alguma coisa.

Graças à família onde cresceu e pela constate companhia de sua avó paterna, a ferina Rachel, Lil soube aprender com louvor as artimanhas de como rebaixar pessoas apenas com palavras e poucos gestos. A pequena criança sempre parecia saber o principal ponto fraco das pessoas e sempre o atacava sem piedade. No fim Lilith afastou qualquer amigo verdadeiro que poderia conquistar, tendo uma infância dominada por companhias que só permaneciam pelo interesse. Lil acabou se tornando uma  criança voltada ao seu mundo particular e superficial, repleto de preconceitos, perguntando-se como seria sua vida se sua mãe continuasse viva, talvez tivesse um pouco mais de carinho e verdade.

Na adolescência sua vida não mudou muito. Quando completou 13 anos decidiu arriscar um novo hobby e exigiu que tivesse aulas de tiro e alguma arma mais interessante, optou pelo chicote, pois gostava da ideia de açoitar as pessoas. Essa vontade surgiu após ela ter sido agredida por uma bolsista de sua escola particular. Com essas aulas aprendeu a liberar boa parte de sua ira e com isso veio se dedicando dia à dia, conquistando algo muito positivo: a concentração e dedicação, além do sangue frio e mente centrada. Aprendeu que não poderia sair por ai atirando em qualquer um, por mais que o odiasse.

Ainda assim Lil precisava chamar a atenção, pois apenas dessa maneira recebia alguns poucos minutos de conversa com o pai. Ela já havia tentado de tudo, ser a melhor nos cursos, na escola, no círculo em que viviam, mas nada fazia Mingus permanecer ao seu lado. Então a partir dos 15 anos começou a beber e fumar escondido sempre dentro de casa. Porém esta sua 'técnica' acabou tendo uma consequência inesperada. Sua avó ao vê-la embriagada na cobertura acabou falando demais e revelando uma parte do passado de Jodelle. A fala de Rachel 'Vai virar drogada como a mãe' ficou para sempre guardada na memória de Lil, que mesmo estando sob o efeito do álcool conseguiu entendê-la. Após esse incidente começou uma busca incessante sobre toda a história de sua mãe. Na sua casa não descobriu nada, mas nem por isso desistiu. A busca que se iniciou não teria respostas tão facilmente e mesmo se conseguisse desvendar todo mistério, sua vida não deixaria de ser dolorosa. O novo rumo que o destino traçaria para a adolescente provocaria novos sofrimentos e decepções.

Um dia depois de completar 16 anos, após uma pequena pista de que encontraria algo na casa de praia da família, Lilith insistiu em viajar para o local com seu pai. Seria um raro momento em que pai e filha ficariam juntos e apesar da menina ter seus próprios planos, o dia parecia começar perfeito. A viagem começou, apenas pai e filha viajando pelas estradas desconhecidas e desérticas de L.A, mas o dia de sol radiante e brisa fresca acabou se transformando em um dia de puro horror e perseguição. Lil passou a sentir uma estranha sensação, sabia que seu pai vivia sofrendo ameaças. Para ela todos faziam acusações infames contra Mingus, seu pai não era perfeito, ela sabia, mas nunca que seria o criminoso que falavam. E naquele dia alguém passou dos limites. Naquele início de tarde de sexta os dois, sozinhos no carro, foram surpreendidos por outros dois carros tentando emparelhá-los e interceptá-los violentamente. A perseguição terminou em um grave acidente.

Lilith acordou uma semana depois e imediatamente perguntou sobre seu pai, guardava lá no fundo a esperança de uma boa notícia. Contudo, sua avó foi rápida ao responder com profundo ódio na voz que Mingus Hempstead-Wright estava morto, fora assassinado. Mais uma vez Lilith passou a se culpar por uma morte. Se ela não estivesse insistido tanto em passar um fim de semana na casa de praia eles não teria viajado e nenhum assassino de aluguel teria atacado.

As investigações para descobrir o mandante do assassinato ainda estão em aberto, mesmo depois de longos ano. Aos poucos novas informações surgem, assim como alguns estranhos poderes de Lil que se intensificaram após toda a tragédia que sofrera. Sempre foi algo que ela sentira desde pequena, mas nessa época era quase imperceptível, agora parece que irá dominá-la por completo. Esses estranhos acontecimentos chegaram ao conhecimento de vários grupos de recrutamento mutante e alguns convites surgiram, mas logo foram recusados. Lil não consegue trabalhar em equipe, é teimosa demais e bem desconfiada.

Apesar de tudo a Lilith aceita bem a ideia de ser diferente de toda a raça humana, ela imagina que assim poderá alcançar com sucesso dois objetivos em sua vida: encontrar e exterminar os assassinos de seu pai e descobrir a verdade sobre sua mãe. Nos anos que seguiram após a morte de Mingus ela foi adquirindo sua independência e força, tornando-se uma mutante de personalidade difícil e tentadora. Gosta da aventura, gosta de si e apenas quer se tornar mais poderosa, prepara-se para poder se vingar algum dia...
9. Ele é casado ou foi? Como foi? Lil nunca foi casada. Já teve um noivo, aos 18 anos, insistência da família. Mas a garota de personalidade forte logo colocou o homem para correr e saiu de casa, com a intenção de traçar seu próprio destino. Gosta de viver sua vida assim: livre. Indo em busca de seus objetivos, sem ninguém para se apegar. Por isso nunca pretende se casar, sem falar que nunca foi muito romântica.
10. Ele recebeu educação formal? Como foi? A jovem recebeu uma ótima educação. Sempre foi muito cobrada por isso e sempre foi muito inteligente.

Na escola destacava-se como menina popular e empenhada, líder de torcida e centro das atenções. Como aprendera com sua avó, desprezava os que considerava inferiores, tendo poucos relacionamentos na escola, apenas sendo bajulada pelos professores.
11. O que ele faz para viver? Porque ele faz? Vive do dinheiro da família rica. Também pressiona os investigadores para que não desistam de buscar pelos assassinos de seu pai e procura qualquer tipo de informação sobre sua mãe.
12. Conte para nós como ele é fisicamente, o que chama mais a atenção em sua aparência. Uma bela morena de pele bronzeada, cabelos castanhos escuro quase da mesma cor de seus olhos, que mostram um tom mais dourado. Possui uma sensualidade e classe natural, misturada a um mistério e ar selvagem que atrai instantaneamente. Além disso, tem uma postura sempre altiva e desafiadora. Alta e magra, possui 1,70 e pesa 65kg. Tem um corpo curvilíneo e bem definido, com curvas acentuadas. Sua aparência é bem semelhante a da sua atraente mãe, Jodelle , de seu pai herdou apenas o olhar penetrante e profundo, além de toda sua personalidade bem e forte e intrigante.

Objetivos / Motivação
1. Ele tem algum objetivo na vida? Encontrar – e matar – os assassinos de seu pai. Descobrir tudo sobre sua mãe.
2. O que ele vai fazer quando conseguir cumprir seu objetivo? E se ele falhar? Se conseguir cumprir seu objetivo, continuará vivendo; se falhar, continuará vivendo, ainda que muito decepcionada. Mas com tudo que já passou na vida ela aprendeu que apenas deve continuar assim, vivendo, ou melhor, sobrevivendo.
3. Como ele vê o mundo? Ele mudaria algo? Se sim, o que ele mudaria? Lil acha que o mundo é em sua maioria rodeado por vagabundos. Odeia pobres, acha que eles se fazem de coitados e que o mundo tem uma visão equivocada sobre os ricos. Eles não são ladrões, trabalharam muito para conseguir tudo o que tem. Pensa isso porque cresceu vendo seu pai só dedicar ao trabalho. E para ela o mundo é dividido assim: trabalhadores, que enriquecem com muito esforço e vagabundos, que ficam recebendo esmolas e reclamando da vida.
4. Como ele vê a si mesmo? Ele mudaria algo em si? Ela se vê como uma guerreira que não se rebaixa a seres inferiores. Apenas mudaria seu problema de saúde. De resto tudo está perfeito.
5. Ninguém é perfeito... O que ele mais teme? A morte, apesar de saber que ela não é o fim. Na verdade ela não suporta o desconhecido.

Personalidade
1. Por menos que o personagem se importe, é inevitável atrair atenção dos outros... O que as pessoas costumam pensar do seu personagem? Como o personagem descreveria a si mesmo, diante de uma dessas pessoas? Bela e indomável. Inteligente e impiedosa. Esperta e prepotente. Lil nunca foi um tipo muito agradável, apesar de muitas vezes estar rodeada por várias pessoas. Se toda sua beleza atrai, sua arrogância afasta aqueles desavisados que ousam se aproximar. Sua língua ferina e sincera até demais costuma magoar até mesmo os mais insensíveis e apenas permanecem ao seu lado os que gostam de desafios ou os que possuem uma baixa autoestima. Apesar de tudo possui um bom humor, usado especialmente para humilhar aqueles que ela não suporta. Consegue ser falsa quando necessário, mas aprecia a sinceridade. O único tipo de pessoas que gosta são os verdadeiros e puros de alma, o que acaba por ser uma grande contradição e algo que revela um traço extremamente positivo em sua personalidade. Irrita-se raramente, mas profundamente. Se sente ameaçada, ataca antes de ser atacada e com todas armas que possui. Não desiste até ver seu inimigo arrasado, contra esses demonstra toda sua crueldade e sagacidade.

A maior característica de Lirah se mostra quando ela está em meio a uma atividade que exige organização e/ou raciocínio rápido. Em situações de perigo consegue manter sua mente centrada e livre do desespero, a adrenalina que corre em suas veias apenas a mantém atenta a tudo ao seu redor. Em uma investigação ela consegue se manter profundamente focada, podendo ficar horas e mais horas averiguado e levantando qualquer tipo de pistas sem perder o foco. Isso acaba dando a ela a fama de muito capacitada e responsável em suas atividades.

2. Como ele se relaciona com o mundo? E com as pessoas?  Prefere ser individualista e independente, apenas se relacionando com a família e poucos conhecidos. Quando aproxima-se de alguém e precisa tirar informações, sabe mostrar sua personalidade incomum. Mas não consegue ter parceiros e nem trabalhar em equipe, é teimosa e só gosta das coisas feitas a sua maneira.
3. Sempre há um determinado tipo de pessoa ou grupo que atrai uma antipatia gratuita de nossa parte, com o personagem, pode não ser diferente... Ele tem atitudes diferenciadas para certos grupos de pessoas? Lil tem certo preconceito contra pobres e pela educação rígida da avô, não tolera certos tipos de pessoas. Ao desenrolar da história ela irá mostrando sua intolerância.

Gostos e preferências
1. Como ele passa suas horas de lazer? Tomando sol e banhos de piscina em sua grande mansão de L.A. Admirando seu belo jardim na mansão de N.Y. Fazendo trilhas e apreciando a natureza na cabana de Denver. Também treina muito com sua pistola e chicote, para melhorar sua técnica. Vive fazendo trilhas de moto, tentando movimentos e acrobacias arriscadas sobre o veiculo de duas rodas, isso já lhe rendeu certos ossos quebrados.
2. Que acessórios e coisas ele gosta de vestir? Não tenha vergonha, nos conte em detalhes Roupas que destaque todos seus pontos fortes, vestidos decotados para festas e roupas confortáveis para suas aventuras
3. O que ele gosta mais no trabalho / ocupação?  Desvendar mistérios e analisar os fatos.
4. O que ele gosta de comer? Nos fale um pouco sobre o gosto culinário de seu personagem... Sua alimentação tem que ser o mais saudável possível, tem uma dieta balanceada e própria para sua saúde.
5. Ele coleciona algo ou tem algum passatempo? Selos, cartões postais, LP's, livros, dentes de vítimas... Flores secas de seus pretendentes e cartuchos de balas.
6. Ele tem algum animal de estimação? São ótimas companhias, acho que lhe faria bem algum... Um gato preto chamado Salem.
7. Que tipo de companhia ele prefere? Nos conte também um pouco sobre as intimidades de seu personagem... Lil gosta de pessoas inocentes, boas de coração e de ricos que a bajulem. Também gosta daqueles que obedecem suas ordens.

Ambiente
1. Onde ele mora e como é esse lugar? Mora em três lugares. Tem uma mansão em Los Angeles e outra em Nova York. Ambos lugares são muito bem decorados e limpos, com temperatura agradável e super confortáveis. Ainda possuem belos jardins. Lil ainda possui uma cabana em Denver, um pouco mais rústica, mas bem bonita e com um lago imenso que dá uma bela vista para a floresta e montanhas.
2. Como é o clima/atmosfera? O clima em L.A é quente, em Nova York é mais ameno. Mas ambos lugares dão a ela toda a tranquilidade que ela busca quando precisa livrar sua cabeça do estresse do dia a dia. Em Denver chove bastante na época que ela visita.
3. Por que ele mora lá? Quais são os problemas comuns lá? Em L.A muitas vezes é o calor escaldante. Em N.Y a agitação. Em Denver os insetos, ela odeia insetos.
4. Como é sua rotina diária? Andar de moto e ler e reler todas as informações que descobre sobre seus pais.

Grupo
1. Porque decidiu entrar para o Grupo? -
2. Como conseguiu entrar para o Grupo? -
3. Quais qualidades e motivos fizeram o Grupo lhe aceitar? -

Poderes
1. Que tipo de poderes você possui? Você gosta de ter eles? Lirah possui poderes mentais, atualmente em pouca quantidade, algo que ela nem costuma usar muito, mas que controla com facilidade.
2. Tem domínio sobre os seus poderes? Conhece algo que atrapalha os seus poderes? Tem plenos poderes, sabe exatamente como usá-los. Normalmente muito barulho interfere em sua concentração.
3. Os seus poderes afetaram o seu corpo ou sua mente de alguma forma? De que forma? Não. Bem, a mente de Lil é algo bem complexo e que muitos têm a vontade de analisar. Seu cérebro e a anomalia que se formou nele é uma incógnita para muitos cientistas.
4. Qual é a origem dos seus poderes?  Na tentativa de salvar a menina da morte, sua família liberou tratamentos experimentais. Ao menos duas vezes a garota quando bebê teve sua morte cerebral declarada, mas com alguns procedimentos voltou à vida. Lil experimentou a capacidade de se libertar do corpo, só que atualmente não sabe exatamente como fazer isso, ainda...

- x -
PONTUAÇÃO
- x -

PONTUAÇÃO

01 Nível
02 Pontos Atributo
02 Quantidade de Poderes
01 Quantidade de Pericias

DEFEITOS

- Teimosia (1 ponto): Este é um dos grandes motivos de Lilith preferir manter-se solitária. Ela é muito teimosa e apenas quer fazer as coisas ao seu modo.
- Código de honra (1 ponto): Lilith honra muito seu sobrenome e sua família, por isso qualquer um que ousar ofender os Hempstead-Wright encontrará um grande problema.
- Segredo (3 pontos): Ela possui um problema cardíaco que a mantém refém de remédios e tratamentos experimentais e dolorosos. Caso não tome seus remédios ou passe por sessões de tratamentos pode sofrer de um mal súbito.

- ADAPTAÇÃO

Pontos de Adaptação: 00 (Alterar realidade não da direito a pontos de adaptação) + 05 (Ponto de Defeito) = 05
Gastos: Alterar Realidade ou Similar (4 pontos), 3 perícias (1 ponto)


ATRIBUTOS

01 Potencia
01 Reflexo
02 Intelecto
02 Raciocino

Pontos de Vida "HP": 103

PERICIAS

- Lingua nativa (Inglês)
- Armas-de-fogo (Pistola)
- Chicote
- Condução (Moto)
- Estratégia

EQUIPAMENTOS

Nome: [P] Capacete de Moto
Natureza: -
Tipo: Defesa
Moedas: 10
Bônus de Acerto: -
Defesa: 6 vs primeiro ataque na cabeça do turno.
Recarga: -
Descrição: Cole aprova de balas feitos para resistir a tiros de calibre médio.

Nome: [P] Uniforme Especial I (Conjunto Estilizado)
Natureza: -
Tipo: Defesa
Moedas: Gratuito para o líder do grupo ou 50 moedas.
Bônus de Acerto: -
Defesa: 1 vs o primeiro dano que fosse sofrer no turno.
Recarga: -
Descrição: Roupa resistente que Lilith usa e que não atrapalha a utilização de seus  poderes. Trata-se de uma jaqueta e calça justa aparentemente feita de couro que a protege contra ataques fracos.

Nome: [A] Sig Sauer P229 Elite .40 S&W
Imagem: http://images.gunsinternational.com/listings2/100439966-2-s.JPG
Natureza: Raciocínio [D]/Reflexo[T]
Tipo: Perfuração
Calibre: .40
Balas: 12+1
Moedas: 195
Bônus de Acerto: +1
Dano: 1d10+2 por tiro.
Recarga: 1 tiro por ação, máximo de 3 tiros por turno.  Demora 1 ação para recarregar.
Descrição: O P229 Elite Negra é a mais nova edição para o P229 Elite e possui uma pega ergonómica beavertail, serrilhas armar frente, checkering alça da frente, Siglite ajustáveis vistas combate da noite, apertos de alumínio personalizado e Reset Gatilho curto ou SRT. Engenheiros SIG projetou o SRT para lhe fornecer a mesma grande segurança e ação suave do SIG DA / SA com um reset confortável, que é 60% mais curto para o retorno do gatilho mais rápido e controle cirúrgico durante a filmagem de alta velocidade. O P229 Elite escuro está disponível em 9mm, .357 Sig ou .40 S & W.

Nome: [-] Chicote Elétrico (vai ser feito ainda quando tiver o dinheiro)
Link: (Foto Aqui!)
Natureza: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Tipo: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Calibre: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Balas: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Moedas: 440 $
Bônus de Acerto: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Dano: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Recarga: ESPAÇO RESERVADO A STAFF
Descrição: Chicote todo trabalhado em couro e pequenos dispositivos elétricos que causam danos no alvo, podendo até desacordá-lo em caso de uma voltagem super alta. O chicote mede cerca de 2,00 metros e possui um dispositivo especial capaz de regular a voltagem da energia elétrica liberada. Sem sua função elétrica é uma arma capaz de causar danos por cortes, além de poder imobilizar e ou sufocar o alvo ou até mesmo ajudar a personagem em ações como se prender a alguma estrutura.


PODERES

Grupo de Poderes: Sem limitação de tipo de poder (Especialmente Poderes Mentais)

Poderes:

Nome: [A] Enfraquecimento Astral
Natureza: Raciocinio [T]
Grupo:Sem Limitação (Poderes Mentais)
Teste: -3, precisa alcançar o Intelecto do alvo.
Redutor: -2
Duração: 1 turno.
Recarga: Poder usado 1x a cada 3 turnos.
Descrição: Concentrando-se em um único alvo, Lilith é capaz de provocar danos mentais e espirituais nele, fazendo-o sentir-se fraco, atordoado, e com uma dor de cabeça que irá prejudica-lo em qualquer tentativa de ação.

Nome: [P] Mente Blindada:
Grupo: Sem Limitação (Poderes Mentais)
Efeito: é imune a influencia mental de intelecto igual ou inferior ao dela.
Descrição: Lilith adquiriu uma forte blindagem mental após os experimentos e todos os procedimentos que sofreu na tentativa de lhe salvarem quando bebê. Por isso qualquer tipo de habilidade relacionada a mente que for  lançada contra ela não surtirá o efeito desejado, sendo inútil  principalmente se o adversário tiver inteligência inferior a dela.


✖✖
avatar
Lilith Hempstead-Wright
Mutante
Mutante

Mensagens : 15

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Mensagem por Gustavo Katzmann em 01.02.15 3:01

Ficha aprovada! Depois de 4 horas lendo, finalmente terminei, e eu ia fazer um comentário, mas tem muito texto pra procurar ags

Recebe 10 PFs pela ficha. Aguarde a criação dos poderes. Já pode postar em RPs.
avatar
Gustavo Katzmann
X-Men
X-Men

Mensagens : 874

Ficha X
Level : 2
Grupos de Poder: Fisiologia Felina
Dinheiro: $249

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Mensagem por Hal Jordan em 07.02.15 16:40

editado, bom jogo
avatar
Hal Jordan

Mensagens : 300

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Mensagem por Bones em 13.02.15 20:55




ATENÇÃO

Dinheiro insuficiente para a compra do chicote.
avatar
Bones
Administrador
Administrador

Mensagens : 23

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Lilith Hempstead-Wright - Lirah

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum