[FP] Jannet White - Rastreadora

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Jannet White - Rastreadora

Mensagem por Chantal Lapeyre em 11.08.14 22:59



FICHA DO PERSONAGEM


- x -
INFORMAÇÕES
- x -

O JOGADOR

Nome do Jogador: - Eu  XD
Idade: - 21
Já jogou rpg de mesa? Se sim, quanto tempo?: - Esse foi o primeiro, mas depois joguei outros... Jogo há quase um ano, acho...
Qual gênero de jogo você prefere?: - Terror, Ação, Medieval...

O ATOR

Nome do Ator: - Scout Taylor-Compton
Foto do Ator: Aqui!

O PERSONAGEM

Grupo que pertence: Irmandade dos Mutantes (Descrição dos Grupos)

1. Qual é o nome dele? - Jannet White
2. Quantos anos ele tem? - 18 anos
3. Quando e onde ele nasceu e cresceu? - Nativa de uma realidade alternativa, Jannet nasceu no dia 11 de fevereiro de 1996, no Canadá, porém, devido às condições de vida em sua realidade nativa, eram nômades por todo o território canadense. Sua mãe, Julliene White, pertencente a um grupo nômade de sobreviventes humanos, sempre conviveu em meio a condições precárias, fugindo das tropas de captura durante as madrugadas, ou sempre olhando pelos ombros. Trabalhando como professora para os jovens do grupo, Julliete ensinou a Jannet o básico desde pequena. Quando o grupo foi capturado pelas tropas á serviço do Dr. Wesker, Jannet, com 12 anos na ocasião, foi enviada para um campo de concentração no Alaska, onde funcionava o laboratório do Dr. Albert, permaneceu lá por 3 anos, quando as mutações induzidas por modificação genética em Jannet se estabilizaram, e foi enviada para a capital dos EUA. Ficou sob controle mental de um telepata à serviço do Exército dos EUA em uma equipe de captura de humanos formada pelos "pseudo-mutantes" (como eram chamados os humanos com genes modificados), até ser resgatada pelos Exilados. Atualmente Jannet se encontra em nossa realidade, "deixada" pelo Corretor do Tempo sem saber o motivo, em Nova York morando com os membros da Irmandade de Mutantes.
4. Qual a sua relação com os seus pais? Conte sobre eles. - Conheceu sua mãe Julliene White, mas não conheceu seu pai. De sua mãe sente saudades, e arrependimento por ter perdido a única coisa que servia como lembrança, que é um pingente de opala azul numa corrente, que foi "confiscado" quando foi levada para o campo de concentração no Alaska. Jannet era muito próxima de sua mãe, não sendo poucas as vezes em que ambas arriscaram a vida uma pela outra, o momento em que as duas foram separadas é um dos momentos que Jannet nunca esqueceu, e uma das memórias que a ajudou a se recuperar do controle mental estabelecido pelo telepata à serviço do Exército dos EUA em sua realidade nativa.
5. Como foi sua infância e seus amigos? Nos conte um pouco sobre eles - Sua infância foi cercada de medos, olhares sobre os ombros, corridas de madrugada, devido às condições de vida em sua realidade natal, onde os humanos estavam à beira da falência e os poucos que restavam eram caçados, para serem "melhorados". No entanto, sua relação com sua mãe foi muito próxima, onde aprendeu o básico para sobreviver nas fugas contra as tropas de captura, e as disciplinas básicas de uma escola. Quando o grupo foi capturado, Jannet demorou para se acostumar às novas condições de vida no campo de concentração, as amizades eram fortes e profundas, mas curtas... Poucas eram as crianças que sobreviviam aos experimentos do Dr. Wesker, e as outras muitas vezes morriam pelas condições precárias a que eram submetidas. O período em que seus sentidos aguçados se manifestaram foram os mais difíceis, pois ela não controlava os impulsos e luzes fracas poderiam ofuscar sua visão, ou os sons mais baixos desnorteá-la facilmente, após eles se estabilizarem, foi enviada para os EUA. Período quase em branco na memória da jovem, apenas flashs, ela foi controlada mentalmente para ser fiel ao grupo de captura de humanos, até ser resgatada por um grupo extra-dimensional que se auto-denominavam Exilados. Membro do grupo por pouco tempo, foi "deixada" em uma das realidades onde realizou uma das missões, e atualmente vive em Nova York na mansão da Irmandade de Mutantes.
Em sua infância, teve os amigos mais próximos entre os filhos dos nômades sobreviventes, no entanto, pouca coisa ela se lembra das pessoas após passar os últimos anos sob controle mental, embora as "torturas" e os experimentos estejam bem vívidos em sua memória. Enquanto fazia parte da equipe, se lembra de ter tido uma "vida normal", embora fosse forçada mentalmente a aceitar esse tipo de vida. Namorava com um mutante chamado Alaster Armand, e tinha uma vida relativamente comum para uma cidadã americana, embora tivesse o inconveniente de ser tratada como cidadão de segunda classe, por sua condição de "pseudo-mutante", mas acreditava ser feliz. Após ser retirada da influência psíquica por um telepata do grupo Exilados, viu que nos seus últimos meses havia sido manipulada desde quando fora retirada do campo de concentração. Ingressou no grupo extra-dimensional, onde teve um breve romance com Lienne Castle, uma membro humana dos Exilados, conhecida como Justiceira em sua realidade natal, o romance terminou quando Jannet foi deixada pelo Corretor do Tempo na realidade atual. Hoje convive com os membros da Irmandade de Mutantes, com os auqias fez amizade. Um resumo dessas importantes figuras são:
- Alaster Armand: loiro, 1,70m de altura, fisicamente definido, simpático e gentil, Alaster era namorado de Jannet em sua realidade nativa. Policial que mantinha a ordem na cidade da capital, era ciumento com as viagens de Jannet quando havia a suspeita de grupos humanos. Filho de pais mutantes, era um pirocinético habilidoso. Perdeu contato após entrar para os Exilados.
- Lienne Castle: cabelos curtos, lisos e negros, 178m de altura, com um físico bem definido, personalidade forte e gênio difícil, teve um breve relaiconamento com Jannet, que durou algumas missões. Lienne era humana, mas sua habilidade em combate armado e desarmado poderia ser comparada a uma habilidade mutante. Perdeu contato após ser deixada em sua atual realidade pelo Corretor do Tempo.
- Gn'an Shon: com traços orientais, ele é o que chega mais próximo de um líder entre os membros da Irmandade de Mutantes. É um mutante telepata capaz de materializar objetos com força mental, psiônica, ou seja lá o que isso quer dizer... O conheceu quando ele deu de cara com ela na mansão da Irmandade andando só de calcinha e camiseta de Mickey, com os cabelos desgrenhados, pois havia acabado de acordar... Eram 11 e meia da madrugada, e ela o confundiu com o entregador de pizza...
- Dominique R. Price: a garota albina, o talismã do grupo... É uma mutante que manipula eventos prováveis, dá azar para os inimigos, e sorte para os aliados... Mas não foram poucas as vezes que deu errado... A conheceu quando tentava passar a perna no garçom para comer de graça, e Dominique a ajudou com sua lábia e um pouco de sorte... Foi a responsável pela entrada de Jannet no grupo, e ganhou o apelido de Ferradura, como referência ao seu poder.
- Fenton: o garoto estranho... O mais estranho que Jannet já viu em toda a sua vida... O moleque parece ter uns poderes relacionados a instintos, alguma coisa assim, mas sempre que ele tá por perto, elas agem diferente... Jannet não vai muito com a cara dele.
9. Ele é casado ou foi? Como foi? - Não.
10. Ele recebeu educação formal? Como foi? - Não, sua educação foi dividida entre o que sua mãe lhe ensinou com as outras crianças do grupo humano de nômades, o que aprendeu no campo de concentração com outros prisioneiros mais instruídos que se dedicavam a ensinar os mais jovens, e depois prosseguiu com o treinamento do Exército. Atualmente costuma ler muito, e se tornou autodidata aprendendo sozinha tudo o que precisa.
11. O que ele faz para viver? Porque ele faz? - Jannet sobrevive dos roubos realizados junto com os membros da Irmandade, no entanto, também faz roubos por fora e pequenos trabalhos como mercenária, mantendo uma pequena fortuna em segredo de seus colegas. Não escolheu, é o que foi ensinada a fazer, e onde seus talentos são mais úteis.
12. Conte para nós como ele é fisicamente, o que chama mais a atenção em sua aparência. - Baixinha, com 1,65m de altura, magra, com não mais do que 50 quilos, Jannet tem pele branca, cabelos longos ondulados, castanhos no meio das costas e não tem corpo muito curvilíneo, sendo mais esguia. Tem várias tatuagens, brincos e sempre usa óculos escuros, pois seus olhos são cinzas, quase brancos. O fato de sempre usar óculos escuros, mesmo durante a noite, em parte devido à sua sensibilidade sensorial, para evitar ficar desnorteada com luzes muito fortes.

Objetivos / Motivação
1. Ele tem algum objetivo na vida? - Ela deseja um dia ter poder, influência e riqueza suficiente para ser considerada importante. A oferta de dinheiro ou de influência é o que mais atrai Jannet.
2. O que ele vai fazer quando conseguir cumprir seu objetivo? E se ele falhar? - Ela sente que não tem um lugar para pertencer simplesmente porque nunca conseguiu se prender a nada material, sempre obrigada a deixar para trás tudo o que havia conseguido, e nunca por vontade própria, sempre por forças fora de seu controle. De certa forma, Jannet sente que ao conseguir poder material e dinheiro, ela terá o pleno controle de suas próprias escolhas, e poderá finalmente dizer a que mundo pertence... O mundo dos poderosos... E se não conseguir, não há nenhuma opção a não ser continuar tentando...
3. Como ele vê o mundo? Ele mudaria algo? Se sim, o que ele mudaria? - Não conhece muito desse mundo para saber exatamente onde está errado, mas sabe que há algo errado... Ele o vê como uma oportunidade de construir seu legado, e para isso, precisa conhecê-lo muito bem...
4. Como ele vê a si mesmo? Ele mudaria algo em si? - Em si mesma não mudaria muita coisa... Ela apenas se vê como alguém sem um lugar, à deriva, e que procura nas riquezas e vínculos materiais os elos necessários para determinar seu lugar no mundo, algo que ele perdeu em sua realidade nativa quando foi separada de sua mãe. Apenas gostaria de ter tido uma vida feliz ao lado de sua mãe...
5. Ninguém é perfeito... O que ele mais teme? - Jannet tem medo da miséria e do fracasso, ela sente que não pode perder tudo de novo... Saber que a qualquer momento uma simples virada do acaso pode varrer tudo o que ela conseguiu  é o que mais assombra ela, no fundo, Jannet tem medo das mudanças, e das perdas que a acompanham...

Personalidade
1. Por menos que o personagem se importe, é inevitável atrair atenção dos outros... O que as pessoas costumam pensar do seu personagem? Como o personagem descreveria a si mesmo, diante de uma dessas pessoas? - Mão de vaca, pão-duro, tarada, vagabund.a, infantil, criançona... São alguns adjetivos que sempre farão parte da opinião daqueles que conhecem Jannet superficialmente. De certa forma, todos os que disserem isso terão um pouco de razão, Jannet costuma ter um comportamento que sabe irritar as pessoas... Uma forma de afastá-las, e ao mesmo tempo aproximá-las...
2. Como ele se relaciona com o mundo? E com as pessoas? - Medo das perdas... Sua infância precária, os mundos pelos quais ela passou sempre a forçou deixar algo para trás, seja algo material, um laço sentimental, as perdas sempre fizeram parte da vida de Jannet, e não é diferente... Ela não se apega muito com as pessoas, mas tem uma certa obsessão por riquezas... Ela acredita que os laços materiais vão impedir que ela sofra novas perdas...
3. Sempre há um determinado tipo de pessoa ou grupo que atrai uma antipatia gratuita de nossa parte, com o personagem, pode não ser diferente... Ele tem atitudes diferenciadas para certos grupos de pessoas? - Pessoas fundamentalistas, arrogantes ou "limitadas" costumam deixá-la entediada...

Gostos e preferências
1. Como ele passa suas horas de lazer? - Jannet gosta de passar seu tempo livre ouvindo música, lendo seus livros, ou simplesmente dormindo. Também costuma das passeios pela cidade, principalmente o Central Park, onde fica observando famílias felizes... Jannet tem muita facilidade e paciência para lidar com crianças...
2. Que acessórios e coisas ele gosta de vestir? Não tenha vergonha, nos conte em detalhes - Jannet gosta de roupas pesadas e tecidos grossos, geralmente couro, jeans e moletons, lhe dão a impressão de estar protegida. Por ter preferência por roupas pretas, sempre tem um jeito mais obscuro e sombrio em contraste com sua pele bastante pálida e seu sorriso, quase sempre de sarcasmo. Gosta de jóias, pedrarias e perfumes, sendo bastante vaidosa...
3. O que ele gosta mais no trabalho / ocupação? - Ela gosta de dinheiro, e quanto mais, melhor...
4. O que ele gosta de comer? Nos fale um pouco sobre o gosto culinário de seu personagem... - Massas, com preferência por lasanha e macarrão, mas não dispensa nada quando o assunto é massas... Sempre gosta de comer em um restaurante italiano, o Buona Pasta, onde tem "amizade" com um dos garçons, e às vezes come de graça. Também gosta de carnes e churrascos...
5. Ele coleciona algo ou tem algum passatempo? Selos, cartões postais, LP's, livros, dentes de vítimas... - Jannet tem uma grande coleção de facas e adagas, além de ter muitos baralhos... Ela passa uma boa parte do dia treinando suas habilidades acrobáticas e sua mira...
6. Ele tem algum animal de estimação? São ótimas companhias, acho que lhe faria bem algum... - Jannet não tem muito para se dedicar a um animal de estimação... Segundo ela mesma fala, de animais já bastam ela e seus colegas de Irmandade...  noy
7. Que tipo de companhia ele prefere? Nos conte também um pouco sobre as intimidades de seu personagem... - Jannet não tem uma preferência específica por companhias, sendo receptiva a todos que se aproximam, mesmo que sejam humanos (embora seus colegas da Irmandade não saibam, ela ja foi humana)... Como a versão de Jared White deslocada de uma realidade alternativa, apenas uma palavra define a preferência de Jannet em questão de amantes...  #geral  noy

Ambiente
1. Onde ele mora e como é esse lugar? - Na mansão que serve como base da Irmandade de Mutantes... O local é grande, desorganizado e bastante sujo, mas oferece privacidade e conforto...
2. Como é o clima/atmosfera? - Sempre paira o ar da confusão na mansão, onde alguém está procurando algo enquanto outro de ter pego, outro morador reclamando de chuveiro queimado oude alguém que esqueceu de pagar a conta de luz...
3. Por que ele mora lá? Quais são os problemas comuns lá? - Jannet mora lá simplesmente porque é acomodada... Com sua pequena fortuna acumulada de seus "serviços" por fora das atividades da Irmandade, ela até poderia arranjar outro lugar para ficar, mas isso tomaria muito seu tempo, e a Irmandade é um espaço perfeito para se esconder... Os problemas é sempre alguém esquecer de pagar a conta de água, ou de telefone, ou de luz, alguém ouvindo música alta até tarde da madrugada, disputar quem vai lavar a louça ou o banheiro quando a situação fica crítica... Sempre dar de cara com um estranho usando o banheiro (cortesia de Dominique) enquanto se está andando só de calcinha pela casa não é uma coisa muito agradável...
4. Como é sua rotina diária? - Quando não tem sua rotina mudada pelos serviços, passa o dia inteiro andando de calcinha pela casa, fazendo refeições fora de horário (ou simplesmente comendo o que achar de comestível pela casa), e dormindo quando sente sono, ou quando tá bêbada demais pra ficar acordada...

Grupo
1. Porque decidiu entrar para o Grupo? - Não houve uma razão exata... Em sua realidade nativa, Jannet era uma humana em um mundo que caçava os humanos, porque acreditavam que eles deveriam ser "melhorados", e mesmo quando eram modificados geneticamente por esses "visionários", eram tratados como cidadãos de segunda classe... Nos vários mundos em que Jannet passou junto com os Exilados fazendo missões, poucas foram as vezes em que se deparou com uma relação amigável entre humanos e mutantes, mas sempre como um sendo o oprimido, e o outro opressor, apenas invertendo os papéis pelos mais variados motivos (religiosos, políticos, "científicos", etc.), isso quando umdos dois não estavam extintos, e na realidade em que ela é "deixada", ela é considerada mutante em um mundo que odeia e persegue mutantes... Não que ela não possa lidar com essas adversidades como sempre fez, mas para alguém que a vida inteira se viu no papel de vítima, é natural que ela se una a um grupo que não diga que ela é um monstro, ou alguém inferior...
2. Como conseguiu entrar para o Grupo? - O grupo não tem uma liderança, o que facilita as coisas... Basta mostrar que se tem uma ideia básica do que sejam os ideais da Irmandade, e mostrar que é mutante, além de ter a simpatia de alguns que já são considerados membros...
3. Quais qualidades e motivos fizeram o Grupo lhe aceitar? - Seus talentos acrobáticos combinados às suas grandes capacidades sensoriais, e talvez por gostar de andar só de calcinha e camiseta pela casa... O fato de ser do tipo anarquista, que age por fora das regras e não aceita lideranças também pode ter chamado a atenção do grupo... Ela é a anti-líder, o contrapeso de todos aqueles que adquirem a pretensão de serem reconhecidos como líderes dentro da Irmandade...

Poderes
1. Que tipo de poderes você possui? Você gosta de ter eles? - Jannet é dotada de incríveis sentidos e capacidades sensoriais, além de conseguir combinar esse poder com uma grande habilidade acrobática, que todos acham ser parte de sua "mutação", o que não é verdade...
2. Tem domínio sobre os seus poderes? Conhece algo que atrapalha os seus poderes? - Sim, Jannet possui grande domínio sobre suas capacidades sensoriais, embora muito raramente eles saiam de controle, causand odesconfortos ou deixando-a desnorteada por um tempo, mas que podem ser amenizados com óculos de sol...
3. Os seus poderes afetaram o seu corpo ou sua mente de alguma forma? De que forma? - Não modificaram a mente de Jannet, pelo menos, não que ela tenha notado, mas provavelmente sua agilidade foi ampliada com suas capacidades sensoriais... Seus olhos se tornaram cinzas muito claros, quase totalmente brancos, e mudam conforme se adaptam às condições ambientes (luminosidade)...
4. Qual é a origem dos seus poderes? - Em sua realidade natal, Jannet foi colocada em um campo de concentração no Alaska, onde funcionava o laboratório do Dr. Albert Wesker, considerado um dos mais brilhantes visionários, ele foi aclamado por ter desenvolvido um soro capaz de "complementar" a genética humana com genes modificados, reproduzindo "mutações sintéticas". Foi este processo que o médico utilizou em Jannet, fazendo-a desenvolver sentidos absurdamente aguçados... No início, Jannet tinha que ficar a maior parte do tempo em câmaras de privação sensorial para conseguir ter um pouco de paz, com treinos sucessivos ela passou aos poucos controlar os estímulos de seus próprios sentidos. Eles ainda apresentam leves oscilações, mas são poucas as vezes em que eles atrapalham Jannet... Seus poderes são fruto de modificação genética, atualmente ela só possui uma capacidade visual superior, mas ela já começou a ter surtos de super-desenvolvimento em outros sentidos (futuros poderes que pretendo obter)...

- x -
PONTUAÇÃO
- x -

PONTUAÇÃO

(pontuação ORIGINAL, sem os gastos de ponto de adaptação)

01 Nível ( Personagens originais começam no nível 1 e Cannons no nível 3.)
02 Pontos Atributo (Cada personagem tem 2 pontos/ nível, para distribuir entre os atributos. NUNCA pode possuir mais que o dobro de pontos em um atributo (Não pode ter por exemplo Potencia 01 e Raciocínio 03).
02 Quantidade de Poderes (Cada personagem tem 2 poderes/nível)
01 Quantidade de Pericias (Cada personagem ganha 1 pericia/nível.)

DEFEITOS (Aqui!) e (Aqui!)

- Avareza (1 ponto): Jannet sempre viveu cercada de misérias e fracassos, sobrevivendo das migalhas que os outros largavam... Por esse motivo, a jovem adquiriu um comportamento mesquinho e "mão-de-vaca", ela teme ser obrigada a viver novamente na miséria...
- Cobiça (1 ponto): Junto com seu comportamento mesquinho, Jannet também desenvolveu um desejo por dinheiro, acreditando que ele pode torná-la alguém importante... Ela trabalha incansavelmente em busca de cada vez mais dinheiro, não importa quanto, ele nunca será suficiente...
- Inveja (1 ponto): A grama do vizinho é mais verde que a de Jannet. E não, não há quem possa convencê-la do contrário... Em grande parte, é por esse motivo que ela sempre quer mais dinheiro, nunca está feliz o que tem e jamais se sente satisfeita... Ela sente que há um enorme vazio dentro dela, e não consegue saciar isso a não ser através dos excessos...
- Preguiça (1 ponto): Jannet já tem uma condição financeira relativamente boa (mesmo que acredite não ser suficiente, e nunca acreditará), podendo se manter sozinha ou mesmo ajeitar sua própria vida... No entanto, mais que dinheiro, mudar demanda esforço, muito esforço... E ela já está acomodada mesmo, e apesar de toda sujeira, problemas da mansão da Irmandade ou dos incômodos, ela não vê reais motivos para mudar...
- Teimosia (1 ponto): Embora seja cuidadosa e prudente, Jannet é indômita e arredia, não seguindo ordens, e sempre agindo da sua própria maneira... Ela sempre estará contra o líder, e agitará os outros membros para ficarem contra também, mesmo não tendo intenção alguma de ser líder...

ADAPTAÇÃO

Pontos de Adaptação: 05 (Defeitos) + 01 (cada personagem ganha 1 ponto/ Nível). OBS: Deixei 1 PA guardado pra usar em níveis posteriores.
Gastos: - 02 Atributos (2 PA's) + 6 Perícias (2 PA's) + 2 Poderes (1 PA's)


ATRIBUTOS (Aqui!)
(Cada personagem começa com 1 ponto fixo/nível em cada atributo, além desses pontos fixos, ele deve distribuir os Pontos de Atributo).

02 Potencia
02 Reflexo
02 Intelecto
02 Raciocino

Pontos de Vida "HP": (É igual a Potencia  + Intelecto + 100.)

PERICIAS
(cada personagem possui uma pericia por nível, isso inclui o primeiro nível)

- Armas Arremessadas (Adagas)
- Sacar Rápido (Adagas)
- Lábia
- Hipnotismo
- Esportes (Ginástica Olímpica)
- Arte Marcial (Luta Acrobática)
- Acrobacia

EQUIPAMENTOS

- Nome: [A] Adaga *
Imagem: - Aqui
Natureza (Sem Tática): Potencia [D]/Reflexo[T]
Natureza (Tático): Intelecto [D]/Reflexo[T]
Tipo: Perfuração
Moedas: 4
Bônus de Acerto: +1
Dano: 1d10+1.
Recarga: 1 ataque por ação.
Descrição: - Uma adaga fabricada em material cerâmico bastante resistente, feita em tamanhos pequenos para serem leves e fáceis de esconder, permitindo ao possuidor carregá-las em grande quantidades, com aerodinâmica perfeita para serem arremessadas. Por ser de material não metálico, não pode ser afetada por poderes magnéticos, eletrocinéticos, ou detectores de metais.

* Obs: Descontar 30 unidades, pois Jannet é uma arremessadora de adagas, e não pode correr o risco de ficar "sem munição"... Valor total: 120 moedas.

Nome: [P] Uniforme Especial III
Natureza: -
Tipo: Defesa
Moedas: Gratuito para o líder do grupo ou 150 moedas.
Bônus de Acerto: -
Defesa: 3 vs o primeiro dano que fosse sofrer no turno.
Recarga: -
Descrição: Roupa resistente que alguns heróis usam que não atrapalha a utilização de poderes do usuário e o protege de ataques fracos. Exemplo delas é a do X-Men, Quarteto Fantástico  e etc.



PODERES

Grupo de Poderes: - Sentidos Super-aguçados

Poderes:

Nome: [P] Super-Visão
Tipo: Campo Reservado a Staff
Grupo: Sentidos Super-aguçados
Efeito: 250m x Intelecto, vê com metade da velocidade.
Descrição: Jannet possui uma visão bastante aguçada, podendo enxergar detalhes mínimos a distâncias absurdas, além de ter maior nitidez, foco, visão de mais tons de cores, e conseguir enxergar objetos em alta velocidade com grande riqueza de detalhes.
Obs: Pré-requisito para todos os poderes relacionados à visão, nenhum outro poder poderá ser utilizado sem o auxílio deste (incluindo mimetistas empáticos, copiadores de poder, etc.). Da mesma forma se Super-Visão for anulada, o personagem perde acesso a todos poderes relacionados à visão.
Nota: Lembrando que a curvatura da terra só permite ver até 5km horizontalmente.

Nome: [P] Visão no Escuro
Grupo: Sentidos Super-aguçados
Efeito: Descrição.
Descrição: A super-visão de Jannet também funciona com ausência total de luz, com a mesma eficiência em condições normais de iluminação. Pré-requisito: para usar este poder, é necessário ter adquirido "Super-Visão".

Nome: [P] Treinamento de Concentração
Grupo: Nenhum
Efeito: Imune a poderes mentais de mesmo intelecto ou intelecto inferior.
Descrição: Controlada mentalmente durante pouco mais de um ano, uma das primeiras coisas que Jannet se ocupou após se juntar aos Exilados, foi aprender técnicas de concentração e auto-hipnose, para proteger sua própria mente de intrusos... Jannet é imune a telepatas com Intelecto de mesmo nível ou inferior ao dela.

Nome: [P] Maestria Acrobática
Grupo: Nenhum
Efeito: +1 nos testes de reflexo
Descrição: Apesar de não possuir poderes verdadeiros relacionados à agilidade ou destreza sobre-humanas, Jannet teve um rigoroso treinamento acrobático e adquiriu uma destreza incomum para manobras acrobáticas, seja para seu estilo de luta incomum (Artes Marciais especializada em Luta Acrobática), saltos, acrobacias, ou qualquer outra manobra que exija alta destreza corporal...

||
avatar
Chantal Lapeyre

Mensagens : 238

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Jannet White - Rastreadora

Mensagem por Julio Uchoa em 12.08.14 0:22

Ficha aprovada

Ficha bastante objetiva, com riqueza em detalhes, organizada e muuuuuitooo Grande.

Ganha 10 pf's pela ficha.

pontos parcialmente corretos

Aguarde o adm que irá avaliar seus poderes.
avatar
Julio Uchoa
X-Men
X-Men

Mensagens : 236

Ficha X
Level : 3
Grupos de Poder: Aerocinese
Dinheiro: $262

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Jannet White - Rastreadora

Mensagem por Victor von Doom em 14.08.14 12:11

Escolha alguma pericia para ser trocada por Hipnotismo, para justificar o Treinamento de Concentração
avatar
Victor von Doom
Humano
Humano

Mensagens : 1083

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Jannet White - Rastreadora

Mensagem por Victor von Doom em 14.08.14 15:54

Poderes editados, bom jogo
avatar
Victor von Doom
Humano
Humano

Mensagens : 1083

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Jannet White - Rastreadora

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum