[FP] - Orianna Bulktovich

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Orianna Bulktovich em 04.07.14 18:35



FICHA DO PERSONAGEM


- x -
RESUMO
- x -

Nome do Personagem: Orianna Bulktovich
Nome do Jogador: Túlio
Nome do Ator: Emília Clarke
Foto do Ator: Aqui!
Grupo que pertence: Independente

- x -
INFORMAÇÕES
- x -

O JOGADOR

Nome do Jogador: – Túlio
Idade: – 14 anos
Já jogou rpg de fórum? Se sim, quanto tempo?: – Sim, aproximadamente faz um ano e meio.
Já jogou rpg de mesa? Se sim, quanto tempo?: – Não.
Qual gênero de jogo você prefere?: (terror, ação...) – RPG, Estratégia, Simulação e Construção de Cidades.

O PERSONAGEM

1. Qual é o nome dele? – Orianna Bulktovich
2. Quantos anos ele tem? – 17 anos
3. Quando e onde ele nasceu e cresceu? – Orianna nasceu dia 27 de Julho de 1996, em Manhattan. Não se sabe o local exato do nascimento, mas ela foi criada e deixada no Orfanato das Santas Irmãs, um local rígido, mofado e fanaticamente religioso. Sendo assim, embora com suas convicções próprias e sem dogmas, Orianna é religiosa, acredita na graça divina e Nele. Não houve nenhum tipo de informações sobre os pais, já que ela foi deixada num pano velho e sem roupas na porta do local.
4. Ele conheceu seus pais? Como foi sua infância? – Orianna nunca conheceu o pai e a mãe. Sua infância foi tortuosa e difícil, se escondendo por todos os cantos. Sem aptidão para o combate e sem vontade de agredir. Até o dia em que... Aconteceram coisas. Coisas que uma garota de 9 anos nunca gostaria que lhe acontecesse. Mas as vielas de Nova York eram difíceis, e seus poderes despertaram naquele momento, escapando por um tris. Ainda, Orianna vive por um tris, equilibrando sua falta de metas e objetivos com o medo do que lhe poderia acontecer. Em segredo, claro.
5. O que sente sobre eles? – Quando criança, a menina nunca entendeu realmente o porquê dos pais a terem abandonado num orfanato. Aos 7 anos e sem jamais olhar para trás, fugindo das palmatórias e das crianças malvadas, ela começou a entender. Quem iria querer uma filha tão inútil como ela, como diziam as irmãs do orfanato? Hoje, Orianna pouco se importa com os pais. Mas sem segredo, ela ainda busca uma explicação.
6. Os pais dele ainda estão vivos? – Desconhecido. (Motivos narrativos)
7. Se sim, como e onde eles vivem? – Desconhecido. (Motivos narrativos)
8. Ele tem irmãos ou irmãs? Sabe onde eles estão e o que estão
fazendo? (válido para outros tipos de parentes).
– Ela é totalmente órfã, e por enquanto, é o único membro conhecido da família.
9. Ele teve amigos em sua juventude? Descreva-os. – Era um dia de chuva, úmido e frio. Ninguém queria sair para brincar no quintal cheio de ervas daninhas e aquele velho salgueiro, sobretudo Orianna. Mesmo nos dias bons, ela nunca, jamais, saía para brincar. Tinha medo. Mesmo dentro de casa, as crianças lhe batiam por causa de seus olhos, de seu jeito tímido e mirrado. Ninguém brincava com a menina dos olhos violeta. Ninguém.
Até Brandon, o garoto dos cabelos ruivos, lhe chamar para brincar. No começo insegura, a solitária menina resolveu aceitar, hesitante. Foram os 4 dias mais felizes de sua vida. Pois é claro, logo, os outros garotos notaram que a menina dos olhos estranhos estava feliz e contente. Brandon levou mais socos no rosto do que se podia contar. Depois disso, foi como uma espécie de aviso: deixe-a sozinha.
10. Ele é casado (ou noivo ou viúvo)? Se for, como aconteceu? – Não. Casar é para alguém caloroso e disposto a amar o próximo...
11. Ele tem filhos? Se tem, como eles são? – Ah, claro que não! Esta é a última coisa que ela teria que fazer!
12. Ele recebeu educação formal? Se teve até onde ela foi? – Até os 9 anos, Orianna ficou no Orfanato das Santas Irmãs. Ela recebeu educação religiosa sem rodeios, e graças aos cansativos ensinos da bíblia, ela aprendeu a ler e escrever sem pestanejar, sendo a melhor da classe. Mais um motivo para ninguém gostar dela. Também, além do conhecimento católico, a garota recebeu alguns conhecimentos básicos sobre modos à mesa, Matemática, História e afins. Embora sempre procurasse aprender mais que as outras crianças e o necessário, os conhecimentos foram até o máximo que uma criança de 9 anos poderia aprender: rudimentares.
13. Como ele aprendeu o que ele faz hoje e a ser o que ele é? – Vagando pelas ruas como mendiga, não foi surpresa que uma incomum garota de olhos violetas como flores chamasse a atenção. O estupro aconteceu, e em meio ao desespero e lágrimas, num beco de Manhattan, tudo que ela conseguiu fazer foi um portal de coloração violeta. Instintivamente seu agressor confuso com o reflexo do estranho portal largou a garota, temeroso, e numa só única chance e instinto, Orianna sumiu para uma parte de Manhattan que nunca tinha visto antes. Agora, se sentindo suja até a alma, ela aprendeu a se virar. Roubar comida se tornou fácil com os portais, e fugir de estranhas pessoas que vinham em sua direção era ainda mais. Afinal, é isso que ela é. Uma sobrevivente, fria como uma pedra de gelo, seca como um deserto. Mas uma sobrevivente. Mas para seu desgosto, uma sobrevivente que só foge. Sempre.
14. O que seu Personagem faz para viver? – Orianna rouba comida de restaurantes, bares e cafés, o que é algo muito fácil, aliás. Basta mentalizar o local, mesmo que não o conheça, e pronto. É só pegar e tomar o caminho de volta. Pode não ser a coisa mais honrosa, mas basicamente, a função dela também é roubar outras coisas: joias e dinheiro, quase sempre. Ocasionalmente, há uma pontada de remorso. Mas ela segue em frente. Sempre.
15. Por que ele escolheu essa profissão? – A de ladra? Bem, é a coisa mais fácil, não é mesmo? Embora costume usar somente o necessário, é uma coisa bem fácil roubar quando se pode aparecer em qualquer lugar num piscar de olhos. Sem menosprezar, claro.
16. Como ele é fisicamente em detalhes? – Magra, esguia e de altura mediana. Cabelos de madeixas negras e geralmente bem cuidadas, um belo rosto. Embora haja a visível ausência de dotes femininos, pouco importa, pois Orianna pode mover-se com tanta graça e delicadeza que parece nem mesmo ser uma ladra, mas uma senhora feminina e delicada. Costuma usar vestimentas simples e que não lhe restrinjam os movimentos. Abomina a maquiagem, e sinceramente, ela nem precisa.
17. Qual é o aspecto da aparência física dele que é mais distintiva
ou mais facilmente notada?
– Absolutamente seus olhos. Com uma disfunção genética rara, a Alexandria Genesis, os ditos “espelhos da alma” de Orianna são violetas, em um tom especialmente bonito e atrativo. Embora seja delicado, comparado a outros olhos da mesma cor, pode ser bem inusitado para quem a conhece da primeira vez.

Objetivos / Motivação
1. Ele tem algum objetivo? Se tem, qual é? – Uma das coisas mais aborrecedoras é o fato de não ter nenhum objetivo final. Talvez, exceto, achar uma explicação para o sumiço dos pais, e achar o homem que a... Bem, você sabe. Mas as coisas mudam. Quem sabe o que pode acontecer?
2. E por que ele tenta fazer isso? – Saber dos pais é uma coisa que qualquer órfão quer. Ela não quer abraça-los e dizer como lhes ama, pois na verdade, os odeia. Isso é uma coisa de criança que ficou para trás. E quanto ao estuprador... Bem, digamos que esta é uma vingança que ela adoraria. Retribuir a dor que lhe acometeu...
3. O que ele vai fazer quando conseguir cumprir seu objetivo? – Literalmente, embora vago, tudo o que for necessário. Mas tudo ao seu tempo.
4. O que ele vai fazer se falhar? – Falhar não é uma opção. Não existe “se”. O homem que teme perder já perdeu. Mas se falhar nas únicas duas vagas metas que tem, ela simplesmente iria vagar sem rumo. Não tem coisa para se viver.
5. O que ele considera seu maior obstáculo no seu sucesso? – Si mesma. Há um dilema... “Procurar ou não procurar? Eles me abandonaram!” e “Será isso mesmo certo?”. Tanto que ela ainda, hesitante, não começou por suas buscas. Embora seja sabido que a indecisão seja a semente da derrota.
6. O que ele faz para sobrepujar esses obstáculos? – Exatamente: ela ainda não sobrepujou. E o que fará? Só o tempo e a decisão para dizer.
7. Se ele pudesse mudar alguma coisa no mundo, o que seria? – Um mundo onde ninguém fosse mal ao ponto de macular outra pessoa do jeito que lhe fizeram. Isso ainda lhe marca tanto a memória... É duro de pensar. Ainda mais quando outras pessoas não presenciaram isso, não sabem o que ela passou.
8. Se ele pudesse mudar alguma coisa em si mesmo, o que seria? - Uma pessoa normal. Amada, feliz. Sem poderes, sem mutações, sem portais. Alegre. Finalmente. Não que ela odeio os poderes: os consideram uma benção, única. Mas ela sente que tê-los os faz com que todos a odeiem. E se apenas ela for assim no mundo, afinal?
9. Ele tem medo de alguma coisa? - O medo de descobrirem seu segredo. No mais, ela confia em Deus e lhe faz de escudo, como diria.

Personalidade
1. Como as outras pessoas descrevem seu Personagem? – Graciosa, mas perigosa. O tipo de pessoa astuta que ninguém confia ou quer se meter. Um mistério, talvez. Um tipo frio e passivo, tão gelado quanto uma geada.
2. Como ele se auto-descreveria? – Provavelmente não muito diferente do que os outros descrevem. Nunca demonstra o que está sentindo, o que lhe dá um aspecto de inegável frieza. Instintivamente conta mentiras e se arrepende depois, mas é educada, cortês e temente a Deus. Considera-se abençoada por Ele, e embora não tenha convicções, ainda anseia por um amigo. Embora isso, ela se mostra desconfiada e quase nunca conversa com ninguém, o que deixa ela numa situação difícil e num dilema bem complicado. Também se considera única, sem ideia se existem outras como ela. O estupro a mudou muito, e ela costuma confiar pouco em homens, embora sua vontade de ajudar seja maior.
3. Qual é a atitude de seu Personagem em relação ao mundo? – Vê tudo como uma grande obra de Deus que está definhando pelas mãos dos humanos e do Demônio. Embora ore todo dia pela extinção do mal e recompensa aos bons, com uma fé inabalável, ela também acredita no perdão, e está preparada para lutar (ou melhor, escapar) de qualquer um que lhe queira fazer mal.
4. Qual é a atitude dele em relação as outras pessoas? – Embora saiba que assim parece, ela é fria e seca. Passiva, não fala quase nunca, e quando fala, é geralmente sozinha, já que por mais dinheiro que tenha, more num beco escuro e frio, sempre viajando.
5. Ele tem atitudes diferenciadas para certos grupos de pessoas? - Embora procure tratar todos de modo gentil, Orianna acaba sendo bem mais desconfiada com pessoas que vêm em sua direção, temendo algo pior, e com homens. O estupro mudou muita coisa...

Gostos e preferências
1. Como ele passa suas horas de lazer? – Basicamente, rezando e fazendo coisas dignas e bondosas. Orianna participa de alguns projetos para sem-teto, lê histórias para crianças no hospital (geralmente disfarçada) e caminha pela cidade, sempre preparada para se teleportar ao seu lugar e se mudar novamente. Ela também gosta e tem um dom especial para jardinagem e floricultura.
2. Que coisas ele gosta de vestir? – Roupas folgadas, velhas e que não restrinjam os movimentos. Qualquer coisa que seja utilizável e não mostre as partes íntimas está ótimo. Afinal, ela é religiosa, mas nem por isso significa que queira usar apenas coisas depois do joelho.
3. O que ele gosta mais no trabalho / ocupação? – Bem... Ela não gosta. Só faz pela facilidade em ajudar e se ajudar.
4. O que ele gosta de comer? – Embora a gula seja um pecado e Orianna não o cometa, ela gosta especialmente de patê de fígado, brócolis e abóbora.
5. Ele coleciona algo ou tem algum passatempo? – Não, isso é coisa de desocupados idiotas!
6. Ele tem algum animal de estimação? – Não. Seria difícil cuidar do pobre animal sempre se mudando, não é?
7. Que tipo de companhia ele prefere? – Companhia? O que quer dizer com isso? Quer dizer... Amigos? Bem, alguém que a complete. Como pimenta e sal, talvez? Qualquer um que queria sua amizade é bem-vindo.
8. E que tipo de amante? – Argh, que tipo de pergunta foi essa? Ahn, talvez alguém atencioso e amigo, claro, e que... A entendesse. Mesmo que a visse como algo diferente... Gostasse dela. Que veja que está quebrada, mas ainda a visse como algo inteiro.

Ambiente
1. Onde ele mora e como é esse lugar? – Como citado, por motivos religiosos e de personalidade, Orianna prefere ser nômade e ter poucos bens materiais, roubando só o necessário para comprar ao invés de roubar (o que não muda muito, claro). Ela mora num beco perto de uma rua pouco movimentada, e guarda seu dinheiro todo ali. Mas obviamente, logo, ela fará um portal e irá para algum outro lugar em Manhattan, junto com todo seu dinheiro e bugigangas.
2. Como é o clima/atmosfera? – Escuro. Úmido. Mofado. Lembra a cabana rudimentar de um mendigo. Embora ninguém lhe incomode ali, Orianna costuma deixar comida para outros mendigos no outro lado da rua, quando em lugares assim. Isto quando ninguém está olhando, claro. Menos olhos, menos informações. Faz um clima típico de Manhattan, geralmente frio. Ultimamente tem chovido bastante, mas o ar não é tão agradável devido a poluição...
3. Por que ele mora lá? Quais são os problemas comuns lá? – Esbanjar e roubar mais do que para viver é um pecado mortal para ela. Na verdade, quando roubava, pensava muitas vezes sobre aquilo. Porque não trabalhava afinal? Não há grandes problemas. Exceto quando vários tipos e grupos de pessoas a cercam. Orianna nunca fica para saber o que eles querem. Eles lhe dão arrepios. Como se quisessem... Leva-la a algum lugar.
4. Como é sua rotina diária? – Comer, dormir e rezar. Vestir alguns trapos de mendiga e ajudar os próximos. Embora se arrependa de pensar assim e tente perdoar aquele homem, sempre sai a procura dele, o estuprador. Não há nada de emocionante nisso tudo, mas pelo menos, há uma coisa: liberdade.

Poderes
1. Que tipo de poderes você possui? – Poderes extremamente parecidos com os de Blink, X-Men e personagem da Marvel. Ou seja, Criação de Portais. Orianna pode criar portais, todos eles de coloração violeta como seus olhos, e ir para qualquer lugar na Terra onde quiser ir, contanto que imagine brevemente o tipo de local e sua localização. Não é necessário conhecer o local pessoalmente ou por fotos, mas, por exemplo, é bem mais difícil acertar a localização exata, e por isso pode ser importante que se saiba algo sobre o local. Eles se formam instantaneamente, e ao comando dela, também se fecham da mesma forma. É quase como um espelho: eles refletem a localização destino. Podem ser formas de transporte de massas únicas e quase infalíveis e também defesas eficazes, já que podem refletir projéteis e outros ataques contra seus adversários.
2. Tem domínio sobre os seus poderes? Conhece algo que atrapalha os seus poderes? – Provavelmente sim e sim. Embora não saiba muito sobre a origem dos poderes ou sobre eles em si, por isso o provavelmente, há alguns empecilhos. Se houver algum corpo físico sólido ou quase isso “passando” em meio ao portal e Orianna o fechar, o corpo não vai ficar “cortado” ao meio, mas dará algo como um “efeito chicote”. O corpo irá ricochetear com força moderada e irá para um dos lados do portal: o de volta ou de chegada, dependendo de qual lado ele pendeu mais. Isso tira a força de ataque os portais teriam, embora o ricochete possa doer um bocado.
3. Os seus poderes afetaram o seu corpo ou sua mente de alguma forma? De que forma? – Não há nada comprovado, mas algo sugere que a cor dos portais de Orianna se deve a mesma cor de seus olhos. Suspeito, não? No mais, Orianna se assemelha a uma pessoa normal.
4. Você gosta de ser "especial"? Porque? – Sim e não. Orianna se considera abençoada, como uma mensageira de Deus, e ainda acha que este poder irá lhe servir para algo importante, e talvez sirva mesmo. Mas isso a deixa numa situação estranhíssima, com medo de se socializar e a acharem antiquada.
5. Qual é a origem dos seus poderes? – É difícil dizer, mas a moça supõe que seja algo desde que nasceu, como se a genética gerasse algo assim. É estranho, não é?

- x -
PONTUAÇÃO
- x -

PONTUAÇÃO

01 Nível: ( Personagens originais começam no nível 1 e Cannons no nível 3.)
02 Pontos Atributo: (Cada personagem tem 2 pontos/ nível, para distribuir entre os atributos. NUNCA pode possuir mais que o dobro de pontos em um atributo... Não pode ter por exemplo Potencia 01 e Raciocínio 03).
04 Quantidade de Poderes: (Cada personagem tem 2 poderes/nível)
01 Quantidade de Pericias: (Cada personagem ganha 1 pericia/nível.)

DEFEITOS
Circunspecção (1 ponto) e Segredo (Estupro, Rejeição Total, já que ela própria se rejeita por causa disso e é um segredo muito fatal e importante. 1 ponto)


ADAPTAÇÃO

Pontos de Adaptação: 02 (cada personagem ganha 1 ponto/ Nível).
Gastos: + Poderes


ATRIBUTOS

01 Potencia
02 Reflexo
02 Intelecto
01 Raciocino

Pontos de Vida "HP": 103

PERICIAS
(cada personagem possui uma pericia por nível, isso inclui o primeiro nível)

- Teologia

EQUIPAMENTOS

- (Nenhum)


PODERES

Grupo de Poderes: Criação de Portais

Poderes:

Nome: [A] Portal Curto
Natureza: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Tipo: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Grupo: Criação de Portais
Bônus de Acerto: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Dano/Defesa: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Recarga: 1x por ação
Descrição: Um portal simples e comum, multifuncional. Ele pode levar qualquer coisa onde o utilizador mentalizar, seja o portal de “ida” ou de “destino”. O portal, como os outros, é de cor violeta suave e reflete o local destino. Tem uma boa precisão, mas basicamente serve para viajar distâncias curtas, independente dos obstáculos físicos à frente. Não é necessário conhecer o local destino, já que a distância é mínima, somente mentalizar a distância destino. Pode refletir as coisas na mesma distância em que é permitido o destino. Pode ser usado como defesa ou transporte rápido.

Nome: [A] Portal Longo
Natureza: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Tipo: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Grupo: Criação de Portais
Bônus de Acerto: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Dano/Defesa: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Recarga: 1x a cada 3 turnos
Descrição: Um portal simples e comum, multifuncional. Ele pode levar qualquer coisa onde o utilizador mentalizar, seja o portal de “ida” ou de “destino”. O portal, como os outros, é de cor violeta suave e reflete o local destino. Tem uma boa precisão, mas basicamente serve para viajar distâncias bem mais longas que o portal curto, embora ainda possa viajar as distâncias que ele pode. Embora tenha uma precisão boa, pode ser duvidável caso o usuário não conheça, mesmo que de relance ou por fotos, a aparência e localização do local.

Nome: [A] Portal-Objetivo
Natureza: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Tipo: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Grupo: Criação de Portais
Bônus de Acerto: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Dano/Defesa: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Recarga: 1x a cada 2 turnos.
Descrição: Um portal mais diferente. Ele é criado diretamente embaixo do alvo, o que faz que ele caia e apareça em outra localidade de distância variável, tendo que se mentalizar com a maior acurácia possível. Útil para “roubar” itens, por exemplo, lançando um portal embaixo de alguma relíquia e a mandando próxima ao utilizador. Também pode ser utilizado ofensivamente, podendo fazer o adversário cair de certa altura com o portal “destino”, ou como transporte.

Nome: [P] Aumento de Distâncias entre Portais
Natureza: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Tipo: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Grupo: Criação de Portais
Bônus de Acerto: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Dano/Defesa: ESPAÇO RESERVADO PARA STAFF
Descrição: Aumenta a distância que um portal pode ser criado do utilizador e a distância que pode ser percorrida neles.

✖✖
avatar
Orianna Bulktovich
Clube do Inferno
Clube do Inferno

Mensagens : 9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Helena Diamond em 05.07.14 9:06

Você praticamente teve em mente o seu personagem e soube de modo bastante objetivo descrevê-lo. Os sentimentos, as vontades... Tudo!

Merece o prêmio digno de 10 pf's! Parabêns!

 :clabeijo: 
avatar
Helena Diamond
Fantasma
Fantasma

Mensagens : 301

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Victor von Doom em 07.07.14 19:32

[00:30:09] Amandha Kumar : Doom, reprova logo a ficha da ORianna
[00:30:57] @ Victor von Doom : noy pq vc não falou isso antes? Mais facil que fico com uma ficha a menos para corrigir

Reprovada  noy 
avatar
Victor von Doom
Humano
Humano

Mensagens : 1083

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Orianna Bulktovich em 07.07.14 22:54



FICHA DO PERSONAGEM


- x -
RESUMO
- x -

Nome do Personagem: Orianna Bulktovich
Nome do Jogador: Túlio
Nome do Ator: Emília Clarke
Foto do Ator: Aqui!
Grupo que pertence: (nível 1 é independente)

- x -
INFORMAÇÕES
- x -

O JOGADOR

Nome do Jogador: – Túlio
Idade: – 14 anos
Já jogou rpg de fórum? Se sim, quanto tempo?: – Sim, aproximadamente faz um ano e meio.
Já jogou rpg de mesa? Se sim, quanto tempo?: – Não.
Qual gênero de jogo você prefere?: (terror, ação...) – RPG, Estratégia, Simulação e Construção de Cidades.

O PERSONAGEM

1. Qual é o nome dele? – Orianna Bulktovich
2. Quantos anos ele tem? – 17 anos
3. Quando e onde ele nasceu e cresceu? – Orianna nasceu dia 27 de Julho de 1996, em Manhattan. Não se sabe o local exato do nascimento, mas ela foi criada e deixada no Orfanato das Santas Irmãs, um local rígido, mofado e fanaticamente religioso. Sendo assim, embora com suas convicções próprias e sem dogmas, Orianna é religiosa, acredita na graça divina e Nele. Não houve nenhum tipo de informações sobre os pais, já que ela foi deixada num pano velho e sem roupas na porta do local.
4. Ele conheceu seus pais? Como foi sua infância? – Orianna nunca conheceu o pai e a mãe. Sua infância foi tortuosa e difícil, se escondendo por todos os cantos. Sem aptidão para o combate e sem vontade de agredir. Até o dia em que... Aconteceram coisas. Coisas que uma garota de 9 anos nunca gostaria que lhe acontecesse. Mas as vielas de Nova York eram difíceis, e seus poderes despertaram naquele momento, escapando por um tris. Ainda, Orianna vive por um tris, equilibrando sua falta de metas e objetivos com o medo do que lhe poderia acontecer. Em segredo, claro.
5. O que sente sobre eles? – Quando criança, a menina nunca entendeu realmente o porquê dos pais a terem abandonado num orfanato. Aos 7 anos e sem jamais olhar para trás, fugindo das palmatórias e das crianças malvadas, ela começou a entender. Quem iria querer uma filha tão inútil como ela, como diziam as irmãs do orfanato? Hoje, Orianna pouco se importa com os pais. Mas sem segredo, ela ainda busca uma explicação.
6. Os pais dele ainda estão vivos? – Desconhecido. (Motivos narrativos)
7. Se sim, como e onde eles vivem? – Desconhecido. (Motivos narrativos)
8. Ele tem irmãos ou irmãs? Sabe onde eles estão e o que estão
fazendo? (válido para outros tipos de parentes).
– Ela é totalmente órfã, e por enquanto, é o único membro conhecido da família.
9. Ele teve amigos em sua juventude? Descreva-os. – Era um dia de chuva, úmido e frio. Ninguém queria sair para brincar no quintal cheio de ervas daninhas e aquele velho salgueiro, sobretudo Orianna. Mesmo nos dias bons, ela nunca, jamais, saía para brincar. Tinha medo. Mesmo dentro de casa, as crianças lhe batiam por causa de seus olhos, de seu jeito tímido e mirrado. Ninguém brincava com a menina dos olhos violeta. Ninguém.
Até Brandon, o garoto dos cabelos ruivos, lhe chamar para brincar. No começo insegura, a solitária menina resolveu aceitar, hesitante. Foram os 4 dias mais felizes de sua vida. Pois é claro, logo, os outros garotos notaram que a menina dos olhos estranhos estava feliz e contente. Brandon levou mais socos no rosto do que se podia contar. Depois disso, foi como uma espécie de aviso: deixe-a sozinha.
10. Ele é casado (ou noivo ou viúvo)? Se for, como aconteceu? – Não. Casar é para alguém caloroso e disposto a amar o próximo...
11. Ele tem filhos? Se tem, como eles são? – Ah, claro que não! Esta é a última coisa que ela teria que fazer!
12. Ele recebeu educação formal? Se teve até onde ela foi? – Até os 9 anos, Orianna ficou no Orfanato das Santas Irmãs. Ela recebeu educação religiosa sem rodeios, e graças aos cansativos ensinos da bíblia, ela aprendeu a ler e escrever sem pestanejar, sendo a melhor da classe. Mais um motivo para ninguém gostar dela. Também, além do conhecimento católico, a garota recebeu alguns conhecimentos básicos sobre modos à mesa, Matemática, História e afins. Embora sempre procurasse aprender mais que as outras crianças e o necessário, os conhecimentos foram até o máximo que uma criança de 9 anos poderia aprender: rudimentares.
13. Como ele aprendeu o que ele faz hoje e a ser o que ele é? – Vagando pelas ruas como mendiga, não foi surpresa que uma incomum garota de olhos violetas como flores chamasse a atenção. O estupro aconteceu, e em meio ao desespero e lágrimas, num beco de Manhattan, tudo que ela conseguiu fazer foi um portal de coloração violeta. Instintivamente seu agressor confuso com o reflexo do estranho portal largou a garota, temeroso, e numa só única chance e instinto, Orianna sumiu para uma parte de Manhattan que nunca tinha visto antes. Agora, se sentindo suja até a alma, ela aprendeu a se virar. Roubar comida se tornou fácil com os portais, e fugir de estranhas pessoas que vinham em sua direção era ainda mais. Afinal, é isso que ela é. Uma sobrevivente, fria como uma pedra de gelo, seca como um deserto. Mas uma sobrevivente. Mas para seu desgosto, uma sobrevivente que só foge. Sempre.
14. O que seu Personagem faz para viver? – Orianna rouba comida de restaurantes, bares e cafés, o que é algo muito fácil, aliás. Basta mentalizar o local, mesmo que não o conheça, e pronto. É só pegar e tomar o caminho de volta. Pode não ser a coisa mais honrosa, mas basicamente, a função dela também é roubar outras coisas: joias e dinheiro, quase sempre. Ocasionalmente, há uma pontada de remorso. Mas ela segue em frente. Sempre.
15. Por que ele escolheu essa profissão? – A de ladra? Bem, é a coisa mais fácil, não é mesmo? Embora costume usar somente o necessário, é uma coisa bem fácil roubar quando se pode aparecer em qualquer lugar num piscar de olhos. Sem menosprezar, claro.
16. Como ele é fisicamente em detalhes? – Magra, esguia e de altura mediana. Cabelos de madeixas negras e geralmente bem cuidadas, um belo rosto. Embora haja a visível ausência de dotes femininos, pouco importa, pois Orianna pode mover-se com tanta graça e delicadeza que parece nem mesmo ser uma ladra, mas uma senhora feminina e delicada. Costuma usar vestimentas simples e que não lhe restrinjam os movimentos. Abomina a maquiagem, e sinceramente, ela nem precisa.
17. Qual é o aspecto da aparência física dele que é mais distintiva
ou mais facilmente notada?
– Absolutamente seus olhos. Com uma disfunção genética rara, a Alexandria Genesis, os ditos “espelhos da alma” de Orianna são violetas, em um tom especialmente bonito e atrativo. Embora seja delicado, comparado a outros olhos da mesma cor, pode ser bem inusitado para quem a conhece da primeira vez.

Objetivos / Motivação
1. Ele tem algum objetivo? Se tem, qual é? – Uma das coisas mais aborrecedoras é o fato de não ter nenhum objetivo final. Talvez, exceto, achar uma explicação para o sumiço dos pais, e achar o homem que a... Bem, você sabe. Mas as coisas mudam. Quem sabe o que pode acontecer?
2. E por que ele tenta fazer isso? – Saber dos pais é uma coisa que qualquer órfão quer. Ela não quer abraça-los e dizer como lhes ama, pois na verdade, os odeia. Isso é uma coisa de criança que ficou para trás. E quanto ao estuprador... Bem, digamos que esta é uma vingança que ela adoraria. Retribuir a dor que lhe acometeu...
3. O que ele vai fazer quando conseguir cumprir seu objetivo? – Literalmente, embora vago, tudo o que for necessário. Mas tudo ao seu tempo.
4. O que ele vai fazer se falhar? – Falhar não é uma opção. Não existe “se”. O homem que teme perder já perdeu. Mas se falhar nas únicas duas vagas metas que tem, ela simplesmente iria vagar sem rumo. Não tem coisa para se viver.
5. O que ele considera seu maior obstáculo no seu sucesso? – Si mesma. Há um dilema... “Procurar ou não procurar? Eles me abandonaram!” e “Será isso mesmo certo?”. Tanto que ela ainda, hesitante, não começou por suas buscas. Embora seja sabido que a indecisão seja a semente da derrota.
6. O que ele faz para sobrepujar esses obstáculos? – Exatamente: ela ainda não sobrepujou. E o que fará? Só o tempo e a decisão para dizer.
7. Se ele pudesse mudar alguma coisa no mundo, o que seria? – Um mundo onde ninguém fosse mal ao ponto de macular outra pessoa do jeito que lhe fizeram. Isso ainda lhe marca tanto a memória... É duro de pensar. Ainda mais quando outras pessoas não presenciaram isso, não sabem o que ela passou.
8. Se ele pudesse mudar alguma coisa em si mesmo, o que seria? - Uma pessoa normal. Amada, feliz. Sem poderes, sem mutações, sem portais. Alegre. Finalmente. Não que ela odeio os poderes: os consideram uma benção, única. Mas ela sente que tê-los os faz com que todos a odeiem. E se apenas ela for assim no mundo, afinal?
9. Ele tem medo de alguma coisa? - O medo de descobrirem seu segredo. No mais, ela confia em Deus e lhe faz de escudo, como diria.

Personalidade
1. Como as outras pessoas descrevem seu Personagem? – Graciosa, mas perigosa. O tipo de pessoa astuta que ninguém confia ou quer se meter. Um mistério, talvez. Um tipo frio e passivo, tão gelado quanto uma geada.
2. Como ele se auto-descreveria? – Provavelmente não muito diferente do que os outros descrevem. Nunca demonstra o que está sentindo, o que lhe dá um aspecto de inegável frieza. Instintivamente conta mentiras e se arrepende depois, mas é educada, cortês e temente a Deus. Considera-se abençoada por Ele, e embora não tenha convicções, ainda anseia por um amigo. Embora isso, ela se mostra desconfiada e quase nunca conversa com ninguém, o que deixa ela numa situação difícil e num dilema bem complicado. Também se considera única, sem ideia se existem outras como ela. O estupro a mudou muito, e ela costuma confiar pouco em homens, embora sua vontade de ajudar seja maior.
3. Qual é a atitude de seu Personagem em relação ao mundo? – Vê tudo como uma grande obra de Deus que está definhando pelas mãos dos humanos e do Demônio. Embora ore todo dia pela extinção do mal e recompensa aos bons, com uma fé inabalável, ela também acredita no perdão, e está preparada para lutar (ou melhor, escapar) de qualquer um que lhe queira fazer mal.
4. Qual é a atitude dele em relação as outras pessoas? – Embora saiba que assim parece, ela é fria e seca. Passiva, não fala quase nunca, e quando fala, é geralmente sozinha, já que por mais dinheiro que tenha, more num beco escuro e frio, sempre viajando.
5. Ele tem atitudes diferenciadas para certos grupos de pessoas? - Embora procure tratar todos de modo gentil, Orianna acaba sendo bem mais desconfiada com pessoas que vêm em sua direção, temendo algo pior, e com homens. O estupro mudou muita coisa...

Gostos e preferências
1. Como ele passa suas horas de lazer? – Basicamente, rezando e fazendo coisas dignas e bondosas. Orianna participa de alguns projetos para sem-teto, lê histórias para crianças no hospital (geralmente disfarçada) e caminha pela cidade, sempre preparada para se teleportar ao seu lugar e se mudar novamente. Ela também gosta e tem um dom especial para jardinagem e floricultura.
2. Que coisas ele gosta de vestir? – Roupas folgadas, velhas e que não restrinjam os movimentos. Qualquer coisa que seja utilizável e não mostre as partes íntimas está ótimo. Afinal, ela é religiosa, mas nem por isso significa que queira usar apenas coisas depois do joelho.
3. O que ele gosta mais no trabalho / ocupação? – Bem... Ela não gosta. Só faz pela facilidade em ajudar e se ajudar.
4. O que ele gosta de comer? – Embora a gula seja um pecado e Orianna não o cometa, ela gosta especialmente de patê de fígado, brócolis e abóbora.
5. Ele coleciona algo ou tem algum passatempo? – Não, isso é coisa de desocupados idiotas!
6. Ele tem algum animal de estimação? – Não. Seria difícil cuidar do pobre animal sempre se mudando, não é?
7. Que tipo de companhia ele prefere? – Companhia? O que quer dizer com isso? Quer dizer... Amigos? Bem, alguém que a complete. Como pimenta e sal, talvez? Qualquer um que queria sua amizade é bem-vindo.
8. E que tipo de amante? – Argh, que tipo de pergunta foi essa? Ahn, talvez alguém atencioso e amigo, claro, e que... A entendesse. Mesmo que a visse como algo diferente... Gostasse dela. Que veja que está quebrada, mas ainda a visse como algo inteiro.

Ambiente
1. Onde ele mora e como é esse lugar? – Como citado, por motivos religiosos e de personalidade, Orianna prefere ser nômade e ter poucos bens materiais, roubando só o necessário para comprar ao invés de roubar (o que não muda muito, claro). Ela mora num beco perto de uma rua pouco movimentada, e guarda seu dinheiro todo ali. Mas obviamente, logo, ela fará um portal e irá para algum outro lugar em Manhattan, junto com todo seu dinheiro e bugigangas.
2. Como é o clima/atmosfera? – Escuro. Úmido. Mofado. Lembra a cabana rudimentar de um mendigo. Embora ninguém lhe incomode ali, Orianna costuma deixar comida para outros mendigos no outro lado da rua, quando em lugares assim. Isto quando ninguém está olhando, claro. Menos olhos, menos informações.
3. Por que ele mora lá? Quais são os problemas comuns lá? – Esbanjar e roubar mais do que para viver é um pecado mortal para ela. Na verdade, quando roubava, pensava muitas vezes sobre aquilo. Porque não trabalhava afinal? Não há grandes problemas. Exceto quando vários tipos e grupos de pessoas a cercam. Orianna nunca fica para saber o que eles querem. Eles lhe dão arrepios. Como se quisessem... Leva-la a algum lugar.
4. Como é sua rotina diária? – Comer, dormir e rezar. Vestir alguns trapos de mendiga e ajudar os próximos. Embora se arrependa de pensar assim e tente perdoar aquele homem, sempre sai a procura dele, o estuprador. Não há nada de emocionante nisso tudo, mas pelo menos, há uma coisa: liberdade.

Poderes
1. Que tipo de poderes você possui? – Poderes extremamente parecidos com os de Blink, X-Men e personagem da Marvel. Ou seja, Criação de Portais. Orianna pode criar portais, todos eles de coloração violeta como seus olhos, e ir para qualquer lugar na Terra onde quiser ir, contanto que imagine brevemente o tipo de local e sua localização. Não é necessário conhecer o local pessoalmente ou por fotos, mas, por exemplo, é bem mais difícil acertar a localização exata, e por isso pode ser importante que se saiba algo sobre o local. Eles se formam instantaneamente, e ao comando dela, também se fecham da mesma forma. É quase como um espelho: eles refletem a localização destino. Podem ser formas de transporte de massas únicas e quase infalíveis e também defesas eficazes, já que podem refletir projéteis e outros ataques contra seus adversários.
2. Tem domínio sobre os seus poderes? Conhece algo que atrapalha os seus poderes? – Provavelmente sim e sim. Embora não saiba muito sobre a origem dos poderes ou sobre eles em si, por isso o provavelmente, há alguns empecilhos. Se houver algum corpo físico sólido ou quase isso “passando” em meio ao portal e Orianna o fechar, o corpo não vai ficar “cortado” ao meio, mas dará algo como um “efeito chicote”. O corpo irá ricochetear com força moderada e irá para um dos lados do portal: o de volta ou de chegada, dependendo de qual lado ele pendeu mais. Isso tira a força de ataque os portais teriam, embora o ricochete possa doer um bocado.
3. Os seus poderes afetaram o seu corpo ou sua mente de alguma forma? De que forma? – Não há nada comprovado, mas algo sugere que a cor dos portais de Orianna se deve a mesma cor de seus olhos. Suspeito, não? No mais, Orianna se assemelha a uma pessoa normal.
4. Você gosta de ser "especial"? Porque? – Sim e não. Orianna se considera abençoada, como uma mensageira de Deus, e ainda acha que este poder irá lhe servir para algo importante, e talvez sirva mesmo. Mas isso a deixa numa situação estranhíssima, com medo de se socializar e a acharem antiquada.
5. Qual é a origem dos seus poderes? – É difícil dizer, mas a moça supõe que seja algo desde que nasceu, como se a genética gerasse algo assim. É estranho, não é?

- x -
PONTUAÇÃO
- x -

PONTUAÇÃO

01 Nível: ( Personagens originais começam no nível 1 e Cannons no nível 3.)
02 Pontos Atributo: (Cada personagem tem 2 pontos/ nível, para distribuir entre os atributos. NUNCA pode possuir mais que o dobro de pontos em um atributo... Não pode ter por exemplo Potencia 01 e Raciocínio 03).
02 Quantidade de Poderes: (Cada personagem tem 2 poderes/nível)
01 Quantidade de Pericias: (Cada personagem ganha 1 pericia/nível.)

DEFEITOS
Circunspecção (1 ponto) A vida nas ruas e no orfanato tornou Orianna uma pessoa amarga e sem senso de humor. Ela até sabe quando brincam com ela, mas não compartilha a graça da situação, e dificilmente entende uma piada.
Segredo (Rejeição, 1 ponto) Ela foi estuprada, e provavelmente não morreu pois seus poderes afloraram no momento de desespero, quando mais precisou. Este é seu estigma, sua eterna mágoa. Nada irá reparar isso. Mais um fato que a leva a crer que Deus a mandou para purificar os homens maus. Ela sempre se rejeita e sente que exala algo podre. Ela parou de socializar o pouco que fazia e está ridiculamente má informada.
Fanatismo (1 ponto) Orianna vê uma forma sem dogmas, mas totalmente distorcida e até mesmo um tanto cruel do Cristianismo. É quase como uma outra religião usando os mesmos nomes de outra. Embora muitas coisas sejam vistas como coisas boas, isso é na verdade uma maldição disfarçada de benção aos outros. E ao contrário de vários outros líderes, ela crê totalmente nessa crença, sendo fanática e fervorosa por ela. Se abnega e abstém de tudo.
Sanguinolência (1 ponto) Orianna é intensamente violenta com aqueles que não apresentam sua ideia de cristianismo. Ela facilmente pode demonstrar o contrário nos gestos e na expressão, quando conveniente, mas seu interior jamais vai mudar.
Intolerância (1 ponto) Orianna se mostra tímida e educada com todos os grupos, aparentemente... Como consta na ficha. Mas ela é totalmente e sem escrúpulos inimiga e intolerante dos não cristãos. Vê como homens maus e que devem ser mandados ao Inferno. Ela não tem paciência com estes, mas assim como em outros casos, ela pode ocultar este fato a quem vê.


ADAPTAÇÃO

Pontos de Adaptação: 05 + 01 = 06 (cada personagem ganha 1 ponto/ Nível).
Gastos: 03 (+2 poderes, +6 perícias e +2 atributos)


ATRIBUTOS

02 Potencia
02 Reflexo
02 Intelecto
02 Raciocino

Pontos de Vida "HP": 104

PERICIAS
(cada personagem possui uma pericia por nível, isso inclui o primeiro nível)

- Teologia
- Artes Marciais: Kickboxing
- Acrobacia
- Liderança
- Lábia
- Atuação
- Rastreamento

EQUIPAMENTOS

- (Nenhum)


PODERES

Grupo de Poderes: Criação de Portais

Poderes:

Nome: [A] Portal Curto
Natureza: Raciocinio [T]
Tipo: -
Grupo: Criação de Portais
Teste (Aliado): +1
Teste (Inimigo): -5, precisa alcançar o reflexo do inimigo.
Teste (Evasivo): -3
Dano: 1d10+1 (se usado para causar dano)
Tripulantes: 1
Peso: até 50kg x Intelecto
Alcance (Teleporte): 10m x Intelecto
Alcance (Portal & Tamanho): 0,5m x Intelecto
Recarga: 1x por ação
Descrição: Um portal simples e comum, multifuncional. Ele pode levar qualquer coisa onde o utilizador mentalizar, seja o portal de “ida” ou de “destino”. O portal, como os outros, é de cor violeta suave e reflete o local destino. Tem uma boa precisão, mas basicamente serve para viajar distâncias curtas, independente dos obstáculos físicos à frente. Não é necessário conhecer o local destino, já que a distância é mínima, somente mentalizar a distância destino. Pode refletir as coisas na mesma distância em que é permitido o destino. Pode ser usado como defesa ou transporte rápido.
Nota: Caso o tripulante esteja preso a alguém ou a algo, o "objeto" conta como tripulante, desta forma pode ser excedido a capacidade do portal o fazendo falhar.

Nome: [A] Portal Longo
Natureza: Raciocinio [T]
Tipo: -
Grupo: Criação de Portais
Teste (Aliado): +3
Teste (Inimigo): -3, precisa alcançar o reflexo do inimigo.
Teste (Evasivo): -1
Dano: 1d10+3 (se usado para causar dano)
Tripulantes: 1 x Intelecto
Peso: até 200kg x Intelecto
Alcance (Teleporte): 100m x Intelecto
Alcance (Portal & Tamanho): 2m x Intelecto
Recarga: 1x a cada 3 turnos
Descrição: Um portal simples e comum, multifuncional. Ele pode levar qualquer coisa onde o utilizador mentalizar, seja o portal de “ida” ou de “destino”. O portal, como os outros, é de cor violeta suave e reflete o local destino. Tem uma boa precisão, mas basicamente serve para viajar distâncias bem mais longas que o portal curto, embora ainda possa viajar as distâncias que ele pode. Embora tenha uma precisão boa, pode ser duvidável caso o usuário não conheça, mesmo que de relance ou por fotos, a aparência e localização do local.
Nota: Caso o tripulante esteja preso a alguém ou a algo, o "objeto" conta como tripulante, desta forma pode ser excedido a capacidade do portal o fazendo falhar.

Nome: [A] Portal-Objetivo
Natureza: Raciocinio [T]
Tipo: -
Grupo: Criação de Portais
Teste (Aliado): +2
Teste (Inimigo): -4, precisa alcançar o reflexo do inimigo.
Teste (Evasivo): -2
Dano: 1d10+2 (se usado para causar dano)
Tripulantes: 1 x Intelecto
Peso: até 100kg x Intelecto
Alcance (Teleporte): 10m x Intelecto
Alcance (Portal & Tamanho): 1m x Intelecto
Recarga: 1x a cada 2 turnos.
Descrição: Um portal mais diferente. Ele é criado diretamente embaixo do alvo, o que faz que ele caia e apareça em outra localidade de distância variável, tendo que se mentalizar com a maior acurácia possível. Útil para “roubar” itens, por exemplo, lançando um portal embaixo de alguma relíquia e a mandando próxima ao utilizador. Também pode ser utilizado ofensivamente, podendo fazer o adversário cair de certa altura com o portal “destino”, ou como transporte.
Nota: Caso o tripulante esteja preso a alguém ou a algo, o "objeto" conta como tripulante, desta forma pode ser excedido a capacidade do portal o fazendo falhar.

Nome: [P] Aumento de Distâncias entre Portais
Tipo: -
Grupo: Criação de Portais
Distancia: Dobra a distancia.
Descrição: Aumenta a distância que um portal pode ser criado do utilizador e a distância que pode ser percorrida neles.

✖✖
avatar
Orianna Bulktovich
Clube do Inferno
Clube do Inferno

Mensagens : 9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Victor von Doom em 08.07.14 4:40

poderes feitos bom jogo
avatar
Victor von Doom
Humano
Humano

Mensagens : 1083

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - Orianna Bulktovich

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum